segunda-feira, 27 de março de 2017

Opções para aulas de Educação Física Escolar

http://activeforlife.com/wp/wp-content/uploads/2013/02/girls-play-soccer-for-fun-612x300.jpg

Começou o ano letivo e a correria que o professor de Educação vive. Não é facil a elaboração de planos de aulas, com atividades diversificadas em cada esporte que a Educação Física exige.

Mas vou te ajudar a resolver esse problema indicando um guia que pode salvar a sua vida de professor de Educação Física na Escola.

São 800 atividades de vários esportes pra aulas de Educação Fisica Escolar. São os principais esportes que são usados nas escolas de todo o país.

Quando pensamos em atividade física escolar, logo vem o esporte na cabeça. recreativas. Não cabe ao nosso objetivo, nesse  texto, abordarmos a importância da educação física nesse período ou quem deve aplicar as aulas, e sim ajudar quem precisa de opções de atividades na Educação Física Escolar quando se trabalha com esportes. Vou repetir: são 800 opções de atividades de educação fisica escolar para aplicação direta!

Depois desse guia, você vai ter opção de atividades de Educação Física Escolar para dar boas aulas.

Boa sorte!

terça-feira, 14 de março de 2017

O sucesso do passe no Futebol




O passe no futebol é o elemento num jogo de futebol que une dois jogadores e que permite com segurança, quase na totalidade dos casos, da progressão da equipe com posse de bola.

Desenvolver o passe significa desenvolver a relação entre o jogador e a bola em todo o processo de transmissão da posse de bola. Ele pode ser feito com diversas partes do corpo e quanto mais recurso o jogador tiver na "relação com a bola" maior será sua habilidade e sua capacidade de resolução de problemas quando este está em contato com o objeto de disputa do jogo.

Aula de Futebol - Treinamento de passe e velocidade

No futebol, que não é um esporte individual, o sucesso depende quase sempre da capacidade do jogo coletivo. E é através dos passes certos que se constroem a maior parte das jogadas. A deficiência no passe ou na recepção levam a muitas perdas de bola, levando a  falta de situações de finalização.

Observe que mesmo jogador é mais rápido sem bola do que com ela, pois envolve menos leitura cerebral, levando a maior concentração no sprint, porque não têm de ler os dois pés ao mesmo tempo que lê a bola. Portanto, devem ser priorizados lances em que o jogador percorre uma distância livre da bola do que com o domínio da bola e essa é uma das importâncias do passe correto no futebol.

E que tipos de passes podem ser realizados?  Podemos passar a bola, com o peito, com a cabeça ou com o pé (parte interna, externa, peito do pé, interna dianteira, peito do pé, com a ponta e com o calcanhar) e com o joelho. Quanto à bola, percorre um trajeto curto ou longo, pelo solo ou pelo chão, com mais ou menos velocidade e até pode ir tensa.

Melhore o seu arremesso no Basquete



Há alguns movimentos específicos que podem ser feitos nos fundamentos de vários esportes para melhorar a performance. O arremesso no basquete  tem sido considerado o fundamento mais importante do basquetebol, justamente porque o objetivo final e marcar ponto, que sai do arremesso. Obviamente, não é o único fundamento importante deste jogo.

Bons arremessadores passam horas intermináveis na quadra aperfeiçoando seus arremessos para jogar melhor no basquete.

Eu gosto de usar o dispositivo mnemônico ECOA para lembrar a boa técnica de arremesso no basquete .Isso me ajuda a manter o foco e a concentração para que eu possa finalmente aumentar o meu número de pontos no basquete .
  • E-equilíbrio, o mantenha abrindo as pernas na largura dos ombros, mantendo os joelhos ligeiramente flexionados. Isso é conhecido como o posição de tripla-ameaça, assim chamada porque você tem a opção de driblar, passar ou aremessar.
  • C- cotovelo, ele deve estar posicionado diretamente sob a bola. A bola deve estar na ponta dos dedos (não na palma da sua mão).
  • O- olhos,  devem estar focados na parte frontal do aro.
  • A-adiante, sempre siga adiante. Mantenha a mão externa do lado da bola (essa mão é apenas para orientação). As pontas dos dedos de sua mão de arremesso deve estar separadas, e descontraídas. Você pode melhorar suas chances de marcar, adicionando um backspin (efeito contrário colocado na bola). Isto é feito movendo os punhos para dar uma pirueta para trás com a bola.

Passos sobre como arremessar uma bola de basquete:

  • Segure a bola com sua mão dominante através do aro, e coloque sua mão livre sobre a bola para orientação.
  • Tente marcar sem bater no aro ou tabela, apontando apenas para a borda.
  • Ao arremessar em ângulo, mire dentro da área da tabela e devolva a bola do vidro ao aro.
  • Determine a quantidade de força do braço e elevação que precisa para fazer o arremesso. Isto é basicamente tentativa e erro, por isso é importante praticar.
  • Ao arremessar, sua força vem das pernas. Flexione os joelhos e use os músculos fortes das pernas para impulsionar seus dedos. Certifique-se de incorporar alguns pesos em sua rotina de exercícios para melhorar a força dos músculos das pernas.
  • Uma das melhores dicas de basquete é prestar atenção na oportunidade de um rebote ofensivo. Siga sempre seu arremesso correndo em direção a cesta para retomá-lo depois no caso de você errar.

Essas são algumas dicas que estão na Aula de Arremesso no Basquete. É só clicar no link e conhecer!

Até a próxima!

Bola Suiça no Esporte



A utilização da bola suiça tem se tornado um instrumento aceito não só na reabilitação como na preparação física em vários esportes.

No trabalho com a bola o corpo é estimulado constantemente a ajustar-se para manter o equilíbrio. A bola leve e cheia de ar oferece uma confortável e firme superfície que suporta o peso do corpo(até 300 Kg) em várias posições. A força da gravidade torna-se um parceiro desafiante quando se percebe que sentir e mover o peso do corpo é divertido, arriscado e criativo. É impossível alongar o corpo com um colchonete ou equipamento da mesma maneira que se faz com a bola.

A utilização da bola suiça para o treino esportivo ocasiona uma instabilidade forçando você a recrutar músculos profundos o que acaba sendo difícil acontecer em atividades convencionais, treinando também a velocidade de reação do corpo, fazendo com que você utilize os músculos estabilizadores que são os músculos ao redor da coluna responsáveis pela postura corporal nos movimentos.

Com ela, podemos fortalecer a musculatura, aumentar a propriocepção (consciência de como o corpo se movimenta no espaço), alongar, ajudar a concentrar sua atenção em perceber estímulos e sensações. É assim que a bola é utilizada para recuperar habilidades motoras, intensificar desempenho atlético e ou contribuir na mudança da composição corporal auxiliando no emagrecimento.

A bola suiça é mais um 'equipamento' ou recurso para ser utilizado pelo profissional no treinamento. É utilizada no condicionamento físico, fitness, ginástica, pilates. Exercícios que trabalham o aquecimento do corpo para as demais atividades, o alongamento e fortalecimento muscular.

Seja um bom professor de Voleibol






O voleibol é atualmente uma das atividades mais requisitadas no desenvolvimento das aulas de voleibol na educação física nas escolas.

Nós sabemos que o ensino tradicional da educação física é pautado na prática, sistematizada ou fracionada, das principais modalidades desportivas, dentre elas o Voleibol. As atividades contempladas variam de acordo com a região, obedecendo às questões estruturais, culturais, logísticas e de interesse da escola e dos escolares.

Dar aulas de voleibol pode ser uma experiência desafiadora e recompensadora, especialmente se você pratica o esporte ou se simplesmente é apaixonado por ele. Existem vários níveis de classes, desde as focadas em times profissionais até aquelas para jogadores recreacionais. Independentemente do nível da aula, é fundamental que todos os alunos entendam o funcionamento do jogo, treinem os saques, as defesas e façam exercícios básicos para melhorar o seu condicionamento e aumentar a sua flexibilidade.

Para se tornar um bom treinador, é importante saber se comunicar de maneira eficaz com os jogadores, conseguir transmitir os fundamentos básicos e liderar a equipe para vitórias em campeonatos e jogos.

Além disso, é preciso ter em mente que o desenvolvimento das habilidades de voleibol, no inicio, deve acontecer de uma forma lúdica, através de atividades que façam com que a criança tenha prazer na prática da modalidade e se sinta atraída para conhecer mais a fundo as questões inerentes ao desporto.

Mais adiante é preciso saber que desenvolvimento das capacidades físicas são essenciais não só para a prática esportiva, mas também nas atividades cotidianas, melhorando a coordenação motora, flexibilidade, força, resistência aeróbia e anaeróbia.

Durante uma partida de vôlei, um grande grupo muscular é requisitado, e músculos como: tríceps, musculatura paravertebral, abdominais e musculatura dos antebraços além dos membros inferiores ficam em constante movimento. O Vôlei faz o corpo trabalhar como um todo, melhorando as capacidades físicas funcionais, cardiorrespiratórias e de fortalecimento, o que é extremamente benéfico à saúde.

Já o voleibol profissional possui um perfil físico específico para facilitar o desempenho do atleta dentro das quadras, porém não é um fator determinante, pois existem outros pontos importantes que influenciam na performance como qualidade técnica, cognição, poder de superação etc.

Algumas outras dicas:

Certifique-se de que todos os jogadores do time entendem o jogo.

Seja comunicativo e esteja sempre disposto a ajudar os jogadores

Providencie um ambiente seguro.

Planeje as suas aulas antecipadamente -  Veja aqui 100 atividades para aulas de Voleibol

Comece a aula com uma corrida leve de 5 a 10 minutos.

Ensine os diferentes exercícios.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Hostgator Discount Code