Lesões no Voleibol




http://globoesporte.globo.com/Esportes/foto/0,,14758144-EX,00.jpg

O voleibol é uma modalidade desportiva que proporciona aos jovens uma óptima forma de exercício aeróbico e de desenvolvimento da agilidade e da coordenação. Com consistência esta é a modalidade desportiva que no nosso país atrai mais as jovens do que os jovens.

Dvd de Voleibol - Treinamento de Fundamentos
Dvd de Voleibol - Fundamentos Técnicos

Como consequência de na última década a adesão à modalidade ter aumentado significativamente, as lesões inerentes têm aumentado também nos nossos atletas.

No entanto e apesar do voleibol ser das modalidades desportivas que mais baixa taxa de sinistralidade apresenta, os seus praticantes estão permanentemente expostos quer a lesões traumáticas, quer a lesões de sobrecarga.

Como o Voleibol envolver movimentos repetitivos acima da rede, para bloquear ou para atacar, ou ainda durante o saque, os jogadores estão constantemente expostos a lesões no ombro. Nas mesmas circunstâncias são também muito susceptíveis às lesões nos dedos das mãos e durante o salto, nos tornozelos e nos joelhos.

Dvd de Voleibol - Iniciação

No ombro, as lesões de sobrecarga na área da coifa dos rotadores são muito frequentes, particularmente a bursite sub-acromial e a tendinite. A rotura da coifa no atleta sénior não é infrequente. A entorse e a luxação acrómio-clavicular são das lesões agudas mais frequentes.

Nas mãos as lesões mais frequentes, são a entorse dos dedos, as roturas de ligamentos e tendões, as luxações nos dedos, as fracturas de falanges e metacárpios.

Os diferentes tipos de entorse no tornozelo, são das lesões agudas mais frequentes no voleibol e sempre responsáveis por períodos prologados de incapacidade funcional. Muitas vezes complicam-se com lesões severas nos ligamentos e na cartilagem articular do astrágalo. As fracturas maleolares não são infrequentes assim como a fractura da base do 5º metatársico (Jones).

No joelho as lesões de sobrecarga que mais comprometem os voleibolistas são a tendinose do rotuliano (joelho do saltador) e a doença da cartilagem do compartimento femuro-rotuliano. Das lesões traumáticas agudas, a luxação e a fractura da rótula e ainda a rotura do ligamento cruzado anterior são as mais frequentes.

VEJA MAIS DVDS de VOLEIBOL
l
A lombalgia crónica é a lesão de sobrecarga mais comum nos atletas de voleibol e resulta da solicitação contínua e do estiramento dos músculos e ligamentos para-vertebrais. Com frequência provoca largos períodos de perda de actividade.



Comente: