Formas de defesa do Goleiro de Handebol




 http://api.ning.com/files/wnikp6pxPpi7R5SEXI1CCxUANalSGYKzGgAWQ6gw1nteM7tqA4f7gkgoAfdwkL6PZxPP0PFpRbWbXDlw0E*lahlPLvqfc4pI/NOT_ORI_0000025890.jpg

Um grande time começa com um grande goleiro. Essa máxima muito utilizada no futebol também pode ser utilizada no Handebol. Um time com um goleiro eficiente e que dê segurança a defesa vai ser muito importante na contagem final dos gols no Handebol.
Geralmente, os goleiros de handebol são fisicamente grandes, muito fortes, rápidos e com muita concentração. Possuem a habilidade de detectar o foco do ataque e se adaptar as mudanças nas jogadas. Defensores situados no meio precisam ser muito fortes e altos para impedir os ataques dos meias e conter os pivôs. Quando a defesa é penetrada, o goleiro é a ultima barreira ao atacante. Ele precisa ter um reflexo rápido, boa antecipação de onde o atacante pretende arremessar e habilidade de ajustar força, reflexos e total concentração (eliminado qualquer coisa que não seja referente ao jogo) focando seu objetivo final, a defesa. O goleiro também deve se comunicar com seu time, (pois possui maior visão de jogo por estar fora dos lances de ataque) incentivando e alertando a defesa; e auxiliando e orientando seus companheiros no ataque.
Dvd de Handebol - Kit com 5 dvds
No Handebol atual, ele não é apenas um jogador de defesa, mas um importante armador de contra-ataques.
A sua principal função impedir que a bola entre pela baliza caracterizando assim o gol adversário. Para realizar tal função, como os jogadores de linha, há treinamento de goleiros de handebol especifico. São técnicas especiais de posicionamento e deslocamento assim como qualidades físicas específicas. Há algum tempo sua função dentro do jogo tem se estendido a iniciar ataques também.
No que se refere a posição dos braços: Pode ser de dois tipos. Posição em "W" ou em "V". As pernas ligeiramente afastadas (na linha dos quadris), joelhos com pequena flexão, braços estendidos acima da cabeça formando um "V" ou flexionados ao lado da cabeça formando um "W". Em ambas as posições as mãos devem estar voltadas para frente, em direção a bola.
Obs.: É importante que os pés não fiquem fixos no solo, pois para uma melhor movimentação, de maior velocidade, a manutenção dos pés em ponta deixa o goleiro em estado de alerta e apto a qualquer movimentação de pernas.
Defesas: Existem vários tipos de defesas. Mas as mais comuns durante os jogos são as defesas em "Y", em "X", embaixo e à meia-altura.
A defesa em "Y" é quando o goleiro mantém uma perna de apoio no solo e lança a outra perna junto aos braços na direção da bola.
A defesa em "X", comumente utilizada em lances onde o atacante está cara-a-cara com o goleiro. Este salta com os dois pés juntos afastando as pernas no ar fazendo o mesmo com os braços, formando a figura de um "X".
Já a meia altura é feita saltando lateralmente com uma perna e lançando os braços em direção à bola.
A defesa embaixo pode ser feita com as pernas afastadas, flexionando o joelho, posicionando uma das mãos ao lado da perna e a outra mão por entre as pernas e também pode ser realizada flexionando o tronco e juntando as pernas rapidamente, com os braços estendidos ao longo das pernas evitando com que a bola passe por entre as pernas.
Deslocamentos
São três os tipos de deslocamentos do goleiro:
O deslocamento semicírculo é feito acompanhando a troca de passes da equipe atacante pelas posições. O nome se dá pelo semicírculo formado de um dos postes da baliza até o outro. Partindo da posição básica em deslocamento lateral, mantendo sempre o corpo voltado para a bola.
O deslocamento de ataque
à bola é feito para frente no momento de um ataque cara-a-cara em que o goleiro geralmente executa a defesa em "X". Procura diminuir o ângulo de ataque do adversário.
O deslocamento da defesa
de ponta é feito no momento de um ataque pela ponta em que o goleiro está fechando seu canto com o corpo e o outro com a mão e a perna. Caracteriza-se por um passo dado à frente pelo goleiro no momento do ataque.
Último e primeiro defensor: O goleiro, pelo seu local de atuação, já se caracteriza como o último defensor de sua equipe, tendo mais seis jogadores à sua frente. Ele só passará a se tornar o primeiro defensor em um contra-ataque adversário, ou abandonando a área para interceptação de lançamento, etc.
Primeiro e último atacante: Tornar-se-á o goleiro o primeiro atacante, quando da tentativa de puxar um contra-ataque, quando ele é o início de um contra-ataque e será o último atacante quando abandonar sua área para jogar na linha, seja ajudando o ataque ou em uma situação de inferioridade ou superioridade numérica.
Contra-ataque: O goleiro, na tentativa de iniciar um contra-ataque, deverá deslocar-se para o lado contrário à ponta para a qual irá desferir o lançamento.
Sete Metros: No momento da cobrança de um tiro de sete metros, o goleiro poderá movimentar-se da forma que desejar, não podendo porém, ultrapassar a linha de 4 metros que limita seu deslocamento nessa situação. A escolha de como tentar realizar a defesa é pessoal de cada goleiro, não tendo uma forma específica para sua realização.


Comente: